SAC - Músicas populares (ruins)


Preciso começar esse post com uma pergunta pertinente e politicamente correta para fazer à vocês: whisky ou água de coco?
Tenho certeza que a maioria das pessoas que leram essa pergunta, leram no ritmo da música, ou lembraram de Naldo dançando no seu maravilhoso clipe. Não julgo essas pessoas, afinal quem não gosta de uma boa música ruim brasileira?!  Poucas são as pessoas no país que realmente escutam Chico Buarque, Caetano e Gil porque realmente gostam, e não pra fazer "o intelectual" da turma. Músicas boas como daquela época talvez não é mais feita visto que não há mais tanto motivo para o senso critico como havia na época da ditadura no país (não digo que não há nenhum motivo, afinal a corrupção ainda exite) então as pessoas decidiram acomodar-se e apenas usar a música como forma de entretenimento. Existe quem, de fato, se recuse a ouvir e conhecer esse tipo de música popular, porém é impossível negar que a conheça. Afinal, musica "ruim" no nosso país se espalha feito praga (o que talvez seja, talvez ahaaha). Hoje em dia criar letras de músicas com nome de carros caros, ou falando de bebidas é sinônimo de sucesso e retorno financeiro. Como o capitalismo é selvagem, músicos não se importam se a musica será de qualidade ou não, elas só têm que grudar na cabeça do ouvinte e nunca mais sair, para que se faturarem fortunas por meio dessa suas músicas sem profundidade poética ou critica, letras apenas voltada ao entretenimento alheio. Há brasileiros que fiquem de mimimi reclamando do tipo de música que o Brasil está exportando para outros países, como "Ai se eu te Pego" que se tornou febre mundial (meu amigo grego quando descobriu que eu era brasileira só sabia cantar isso e eu sentia certo desgosto, mas dane-se). Contudo isso não é motivo de lamentação, é só uma vingança. Afinal, EUA mandou Justin Bieber para nos infernizar e o Brasil mandou Michel Teló e outras beldades como vingança. 




SAC - Paixonites de Escola

Ah o amor... quem nunca se apaixonou por aquela pessoa linda e simpática da sua ou de outra sala na época de escola?! EU, eu sou a unica pessoa no universo que nunca gostou de ninguém na escola, e eu me pergunto "qual o meu problema, cara?".

É algo tão comum gostar de alguém no colegial, e só hoje eu percebi que NINGUÉM nunca se declarou pra mim na escola. Porque eu sou feia?! talvez, mas existiam trambolhos muito piores que eu mas que tinham seus admiradores. Porque eu era chata?! não, isso não, já fui escolhida até como líder de turma e meu ciclo de amizade era grande. Então por que?
Hoje estava conversando com meu namorado, e até ele (que é hominho) já teve amigas se declarando pra ele, e pra mim nada?! Injusto. De acordo com ele, em todos os grupinhos há sempre cobiças internas, no meu não havia, pelo menos não me envolvendo como o "objeto de cobiça". 
Não estou conseguindo lidar com essa descoberta, bateu meio que um desespero... Será que sou tão mal amada e feia assim, ou será que sou tão legal que intimido os meninos?

Estou chatiadissima com essa situação, contudo o que me tranquiliza é saber que  pelo menos eu nunca tive amor não correspondido na escola, visto que eu também nunca gostei de ninguém por la, como homem pra mim. Mas de fato a maior satisfação em meio a esse tumulto psicológico é relembrar já apalpei a bunda de todos sem ter o minimo de apego sentimental. 


SAC - Hipocrisia

Meus amigos e namorado costumam dizer que não há pessoa nesse mundo que eu odeie ou veja pontos negativos, porque pra mim os pontos positivos sempre superam os negativos. Seja piriguete, ateu, crente, "macumbeiro", maconheiro, rico, pobre, feio, ou bonito, se me tratar bem eu to fazendo amizade.
De fato é assim, porém estava analisando esses dias e há sim um tipo de pessoa que eu não suporto, são os hipócritas. Não consigo lidar com alguém que vê as mazelas do mundo, finge que não vê pra se passar por bonzinho perante a sociedade, ou que não suporta uma piadinha mas pensam ou até mesmos fazem coisas horríveis com os outros.
Hoje acordei e as redes sociais estavam pegando fogo (e isso não é mais uma das minhas piadas de humor negro), por causa daquela tragédia em Santa Maria. Haviam algumas pessoas fazendo algumas piadas, não sobre as vítimas porém sobre o fato, e outras pessoas que fazem piadas até sobre câncer se "sensibilizando" por algo que não aconteceu com a família nem com os amigos deles. É ridículo fazer piada com uma tragédia dessas?! sim, todavia também é ridículo mudar de calçada quando vê um mendigo pedindo comida na rua, quando você não é capaz de gastar um minutinho do seu tempo doando alimento ou mantimentos para essas pessoas que precisam. Muito bonito, na teoria, esse negocio de escrever em redes sociais coisinhas bonitas pra quem nem sabe que você existe, ta morrendo queimado ou até mesmo já morreu, contudo na prática o mais útil é fazer o bem a quem está próximo.
Sem contar a maior das hipocrisias, dizer que dinheiro não traz felicidade e se matar de trabalhar ou estudar pra ganhar bem. Pode até ser que ele não traga mesmo, no entanto dinheiro paga a suas dividas e te da conforto que você precisa e te leva pra sofrer em Paris... mas isso é papo para o próximo post.

Espero opiniões de vocês (concordando ou não) nos comentários... Beijos na alma, amados ;*