SAC - Carnaval

Chegoooou, chegou a época do ano que as pessoas decidem "despirocar" como se não houvesse vida pós carnaval. É tia gorda com roupinhas apertadinhas, são as Cataratas do Iguaçu saindo pelos poros das pessoas, gente se esfregando, encochadas sutis (ou nem tanto), beijo na boca de totais desconhecidos, risco de acidentes já que as pessoas bebem até cair, depois decidem pegar no volante pra arriscar a própria vida e a de outras pessoas. Sem contar as pessoas que decidem fazer sexo com desconhecidos sem preservativos  pra "curtir o carnaval" (em novembro nascem os infelizes, coitados) filhos de pais irresponsáveis, nem conhecem o pai (as vezes o cara nem sabe que ele tem filho por ai), ou na pior das hipóteses antes disso descobrem que estão com DST's. 
Ainda há quem diga "Ah Rebecca, você é chata, politicamente correta demais, isso é curtir a vida", me desculpem amados que gostam disso, mas pra mim isso está beeeeem longe de ser motivo de diversão. Como vou conseguir me divertir com alguém me encochando, pisando no meu pé, passando o suor em mim e me agarrando?! Impossível. Não consigo me divertir pensando que existe uma propaganda de tv IMPLORANDO pra que não façam xixi na rua, que isso gente, as pessoas também perdem o senso do ridículo nessa época?

Têm os menos retardados que dizem "pelo menos é feriado né?!" sim, é feriado, bom pra nós que somos estudantes, contudo para a economia do país isso é uma porcaria, 1 semana ociosa não é motivo de orgulho nenhum. Como Felipe Neto disse em um dos seus videos, uma das "soluções" seria passar o carnaval para o dia 1 de janeiro, já que ninguém segue o que a religião diz mesmo (se seguissem não estariam se prostituindo de graça durante uma semana, certo?!) e assim o ano começaria antes do SEGUNDO mês do ano.
Sem contar que o que é passado de nós (mulheres brasileiras) para o resto do mundo é que somos umas putas, que não nos importamos de mostrar o toba nem o peitinho e que pegamos qualquer homem, afinal isso é MUITO divertido. Que bela a cultura brasileira, adoro muito, adoro o olhar de recriminação de todos quando digo que odeio carnaval.

"Ah Rebecca, mas carnaval gera emprego" gera, assim como geraria pra pedreiros que fossem reformar hospitais públicos, pra enfermeiro, faxineiros, copeiros que fossem trabalhar nele, sem contar nas escolas (não as de samba, que essas estão inteiras e "lindas") que estão caindo aos pedaços e professores que trabalham um mês inteiro para ganhar 800 reais. É temos que rever isso, Brasil... 
PS.: E essas penas no toba nas roupas das sambistas, nos carros alegóricos, de onde elas vêm??





SAC - Beleza

"Rebecca, você vai mudar o foco do blog, e agora vai virar blog de moda e beleza" Não, gente, NÃO, por favor: não! "Nossa, que "macha", você não gosta de moda não?!" Amo, sou apaixonada, inclusive compraria umas 3 peças de roupa por dia se eu tivesse dinheiro para isso "Credo, que consumista, mimimi..."
O tema "Beleza" já estava cotado para ser um dos primeiros a ser abordado pelo blog (não, isso não é redação do ENEM), se não o primeiro, contudo infelizmente (ou felizmente, depende do ponto de vista) iniciei o blog no dia da tragedia de Santa Maria e achei mais pertinente dizer o que penso sobre a hipocrisia. Hoje to aqui, pra dizer sobre a tão cobiçada por homens, mulheres, e meio termos: Beleza.
Inicialmente eu pensei em fazer um blog sobre moda e automaticamente beleza estaria incluso, no entanto não sou tão fanática por moda assim, compro roupas caras sim "nossa, que burguesia de merda, mimimi" porém 2 vezes por ano. Ter um blog que é atualizado de 6 em 6 meses não é ideal, muito menos dizer sobre algo nem você entende e não pratica. Por isso prefiro ficar aqui no meu cantinho reclamando por nao poder comprar minhas roupas maravilhosas, nem fazer plasticas, nem porcaria nenhuma pela mamae ter pouco dinheiro. Sem contar que existem exatamente 19214522424 blogs dessas menininhas (ou moços que queriam ser menininhas) falando sobre moda, e dando dica que ninguém usa, pela blogosfera (ok, agora engolirei meu "recalque" e minha incapacidade e começarei a reclamar sobre o que nos interessa). 
Qual a moça não queria ter nascido Megan Fox? Qual rapaz não queria ter nascido Ashton Kutcher?
É meus amados, vocês infelizmente vocês não nasceram (se não nem estariam lendo isso) e por isso correm tanto atrás da cobiçada beleza. Nem eles ja nasceram assim, "perfeitos" fisicamente falando, a maioria das pessoas bonitas precisaram de dinheiro pra se tornarem o que são hoje. Engana-se quem acha e a Fox nasceu perfeita, olhem: 


                                           


É inegável que homem precise de muito menos que mulher pra ser aparentemente belo (para muitas mulheres uma carteira cheia já basta). Tudo bem que eu tenho um gosto, digamos que exótico, quanto a beleza masculina, meus amigos costumam dizer que basta o homem ter cara de bunda (o que eu chamo de "bom moço") para eu achar bonito. Talvez porque eu ache que o rapaz com cara de "bom moço" seja realmente um bom rapaz, acabo julgando mais o que a pessoa é do que a aparência, propriamente dita. 
Já para as mulheres não é tão fácil assim, pergunte a qualquer uma que ritual existe pra ir à uma festa...Para mulheres a festa começa bem antes do horário  ela começa meses, semanas antes (e ainda assim tem algumas que ainda chegam atrasadas). Mulheres querem se sentir lindas a qualquer custo, e isso muitas vezes custa bem caro, visto que a beleza não tem só valor, ela tem o seu preço também.
Quando a pessoa se olha no espelho acha que sua aparecia está bela, ela se sente confiante, seja de qual sexo for, isso é um fato na vida de qualquer pessoa. Não acho pecado alguém se esforçar com tratamentos de beleza e plásticas afim de se sentir bem, cada um faz com o próprio dinheiro o que quiser, ainda mais se for em prol do seu bem estar, sem incomodar ninguém. 
Há algum tempo eu fiz uma lista com os meus defeitos físicos (sem piadocas, que aqui a piadista sou eu, ok?!) e sim, deu uma folha inteira, se eu me senti bem fazendo isso?! Não, todavia foi uma forma de desabafo que encontrei pra reclamar de mim mesma. Como alegria de adolescente pobre dura pouco mamãe achou essa lista, queimou e brigou comigo, brigou muito, mesmo...
Depois dessa lista vi que por enquanto não tenho muito o que fazer pra melhorar minha aparência física, e decidi cuidar do que as pessoas não vêem, mas do que elas podem sentir: cuidei do meu interior. A cada dia decidi me tornar uma pessoa melhor, porque sinceramente, no fim das contas é isso que importa para quem me ama de verdade. Não sei se to conseguindo, porém tento todos os dias... Aprendi que nem tudo que é lindo é o que te faz mais bem, por exemplo um dia ensolarado, é lindo, entretanto um dia nublado e bem ventilado faz o seu dia muito melhor e mais bem disposto!